AQUÁRIOS
  • Água
  • Aquecimento
  • Escolha
  • Construção
  • Montagem
  • Substrato
  • CURIOSIDADES
  • Gerais
  • Histórias
  • DIVERSOS
  • Artigos
  • Contribuições
  • Faq
  • Glossário
  • HISTÓRIA
  • Antes de Cristo
  • Século XVI
  • Século XIX
  • Cientistas
  • Kinguio
  • Evolução
  • ÍNDICES
  • Peixes - científico
  • Peixes - popular
  • NEGÓCIOS
  • Fornecedores
  • O HOBBY
  • Custo
  • Introdução
  • Vantagens
  • PEIXES
  • Alimentação
  • Anatomia
  • Doenças
  • Espécies
  • Galeria de fotos
  • PLANTAS
  • Escolha
  • Plantação

  • Anúncio publicado pelo Soft Click

    CONSTRUÇÃO DO AQUÁRIO

    Duas grandes dúvidas dos aquaristas são quanto à possibilidade de fazer seu próprio aquário e se isto seria vantajoso. De antemão, posso dizer que ambas as respostas são afirmativas. É perfeitamente possível você construir seu próprio aquário, desde que siga alguns critérios de projeto. Quanto à questão de ser vantajoso, isto é relativo. Se bem feito, pode haver uma economia de até 40%. Apesar disso, qualquer erro mínimo pode levar todo o trabalho a perder, fazendo você gastar mais do que se comprasse em uma loja e ainda perdendo alguns privilégios deste ato. Seguindo os passos abaixo, você tem grande chance de ter sucesso:

    1. Projeto: é importante o projeto de todo o aquário em um papel. Deve-se calcular todas as medidas, levando em conta todos os aspectos, até mesmo a espessura do vidro a ser usado. Por exemplo, se o vidro for de 5 mm, a largura da base terá que ser a do vidro lateral mais 1 cm, proveniente da espessura dos vidros frontais. Às vezes, se isto não for levado em conta, os vidros não "encaixarão".

    2. Material: são necessários os vidros do aquário, uma seringa, um tubo de cola à base de silicone, uma flanela, álcool e uma pedra para polimento.

    2.1 Vidro: o vidro pode ser qualquer um, desde que respeite uma espessura mínima, condição para que o aquário não se rompa. Abaixo, vai uma tabela com alguns exemplos:

    Comprimento (cm) Largura (cm) Altura (cm) Espessura (mm)
    40 30 30 3
    50 30 30 3,5
    60 40 40 4
    80 50 40 5
    90 50 40 6
    100 60 50 7,5
    110 70 50 9,5
    120 70 60 11,5
    130 70 60 14
    150 80 70 17



    Para montar seu aquário, você precisará de 7 pedaços de vidro: vidro do fundo, frente, vidro traseiro, duas laterais e duas travas. Para moldá-los ao tamanho do seu aquário, você tem duas opções: comprar o vidro já cortado no tamanho certo ou cortá-lo com um diamante. Para isso, põe-se uma régua no local do corte, e passa-se o diamante, que riscará o vidro. Após isso, é só dar uma "batidinha", com o cabo da ferramenta mesmo. Atenção: qualquer erro, mesmo que milimétrico, pode fazer com que sobrem espaços na colagem do vidro.

    2.2 Seringa: a seringa servirá para pôr a cola, para facilitar a colagem.

    2.3 Cola de silicone: dê preferência às de colagem rápida e indicadas para aquários, que são mais resistentes. Evite as que tenham anti-mofo, anti-fungos, ou qualquer coisa do tipo, pois podem comprometer a vida do aquário.

    2.4 Flanela: serve para a limpeza das mãos e do aquário.

    2.5 Álcool: serve para limpar os vidros do aquário.

    2.6 Pedra para polimento: serve para polir o aquário, evitando acidentes.

    3. Preparação: antes de iniciar a colagem, deve-se preparar os vidros. Faça o polimento de suas bordas, para evitar possíveis acidentes (cortes). Após isso, limpe todo o vidro com uma flanela e álcool, para que a cola possa aderir melhor.

    4. Colagem: para facilitar a colagem, ponha a cola dentro de uma seringa de 10 ml. A cola será aplicada com a seringa. Para colar os vidros, passe cola na face de um deles e aproxime a borda do outro (de acordo com a figura abaixo).


    Colagem das laterais do aquário

    Inicie pelas laterais, colando-as uma a uma, formando um retângulo. Se preciso, utilize um esquadro (aparelho de madeira que tem um ângulo reto), para garantir que as paredes do aquário formem 90º entre si. Dependendo da cola, pode ser que seja necessário usar fita durex, para manter os vidros na posição. Aguarde secar um pouco. Depois da secagem, é a hora de colar o fundo. Passe cola sobre o vidro do fundo (do mesmo modo que nas laterais) e coloque o retângulo formado pelas laterais sobre este, de acordo com a figura abaixo:


    Colagem do fundo do aquário

    Passe cola por dentro, aproveitando para reforçar a colagem lateral. À medida que for pondo cola com a seringa, vá passando o dedo, para que ela ocupe todos os espaços. Faça o mesmo com o fundo. Depois, passe cola nos vidros frontal e traseiro e ponha as travas, de acordo com a figura abaixo:


    Colocação das travas do aquário

    5. Teste: após 24 horas de secagem, teste o aquário com água. Se estiver vasando, seque-o e passe mais cola. Quando não houver mais vasamentos, seu aquário estará pronto.

    Quaisquer dúvidas, entre em contato.

    Este documente teve 223459 visitantes desde 31 de Março de 2001.
    Última atualização: 31 de Março de 2001.
    Ultramix - o seu portal.
    www.ultramix.com.br

    Saiba tudo sobre aquarismo.

    Tudo sobre musica: radios, bandas, fotos, etc.


    RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES